Concurso Receita Federal 2017: Orçamento prevê a liberação de 400 vagas

09/11/2016 Por: Vanessa Cagliari
Concurso Receita Federal 2017 


O concurso da Receita Federal 2017, um dos mais esperados pelos concurseiros, já está incluído no Orçamento de 2017, que define as despesas do Governo Federal para o próximo ano. O órgão foi inserido no projeto por ser considerado indispensável para aumentar as receitas da União. Veja o texto da proposta.

 

 

Conforme consta no documento do projeto, serão reservadas 400 vagas para os cargos de analista administrativo, assistente técnico-administrativo, analista tributário e auditor fiscal da Receita Federal. A quantidade de vagas destinada à cada carreira não foi definida no texto da proposta.

 

 

Os cargos de analista administrativo, analista tributário e auditor fiscal exigem diploma de graduação, enquanto que a carreira de assistente requisita apenas ensino médio. Os valores das remunerações são de R$ 4.969,02 (analista); R$ 9.714,42 (analista tributário); R$ 16.201,64 (auditor fiscal); e R$ 3.756,82 (assistente). Em todos esses valores, o auxílio-alimentação de R$ 458,00 está incluso.

 

 

Os postos de assistente e analista administrativo fazem parte do quadro do Ministério da Fazenda, que após a aplicação do concurso, vai redirecionar as vagas para a Receita Federal e para o seu próprio quadro de profissionais.

 

 

O projeto orçamentário para 2017 ainda será analisado pelo Congresso Nacional até o final deste ano, ou no máximo, início do próximo. Logo após, passará pela sanção presidencial, e o Ministério do Planejamento terá permissão para conceder aval para o concurso da Receita Federal 2017.


 

Defasagem de servidores

O Ministério do Planejamento realizou um levantamento em abril, que apontou uma defasagem de servidores na Receita Federal: das 37.128 vagas, apenas 17.339 estão ocupadas.

 

O cargo de analista tributário é o mais defasado, pois dos 16.679 postos, somente 7.104 estão preenchidos. Em relação à carreira de auditor fiscal, há 10.214 cargos vagos de um total de 20.449.

 

Pedro Delarue, auditor fiscal da Receita Federal e ex-presidente do Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais da Receita Federal do Brasil, declarou que o déficit de servidores da Receita também está relacionado aos cargos de apoio, que exigem ensino médio.

 

 

 

 

Saiba mais:

> Projeto de lei visa reajustar os salários de auditor e analista da Receita Federal.

 

E-mail já cadastrado. ×

Receba nossas novidades


 

Notícias relacionadas

Concurso PRF 2017: posse de novo ministro da justiça pode agilizar edital

20/03/2017

Sefaz-SP prevê abertura de concurso para 435 vagas de agente fiscal de rendas

25/11/2016

Concurso para Receita Federal deverá abrir em 2015 para suprir defasagem

21/01/2015

Veja o que outras pessoas acham deste conteúdo. Comente você também.